Sunday, April 13, 2008

às vezes ...



... gostaria de poder separar o corpo da mente e voar por aí... passar de novo pelo caminho e seguir a outra direcção...

... ter deixado a razão falar mais alto que a emoção

e partir!

Sinto-me sufocar de novo aqui... Pior é quando se criam raízes, quando há vidas a depender dos nossos actos...

e se vai adiando, adiando, adiando...a vontade !

Por vezes, tudo acaba por perder a cor ...e o peso esse, chega a ser insuportável...

a chama vai-se apagando pouco a pouco e a vontade... reprime-se ...

...a esperança, essa (às vezes) mantém-se ...

6 comments:

Grace Olsson said...

Hoje, eu queria mesmo era que o veneno saisse da alma humana e dê espaço para que os outros sejam felizes...kkk
Creio que esse século não veio para braincadeira, não. E esse 2008 está voando...Acho que vc já percebeu.
Beijos e dias felizes

kimikkal said...

"Muda de vida, se não te sentes satisfeito, muda de vida..."

Um Momento said...

Arrepiei-me...
A vida é um pleno "mistério" para nós...
Hoje estamos aqui... amanhã quem sabe... ali...
A Esperança terá SEMPRE que nos acompanhar...jamais a devemos largar minha Querida...
Que raios de LUZ abracem o teu coração e iluminem o teu caminho!
Ás vezes estamos tão "cansados" de pensar na nossa vida ,nos que nos rodeiam e naqueles que "dependem" de nós ,que nem vemos a Luz que nos "ilumina"...
Desejo-te eu um bom fim de semana , que embora chuvoso ( aqui está) não deixa de nos fazer sorrir:)

Abraço-te com MUITO carinho!

Beijo grande e carinhoso em ti!

(*)

Rafeiro Perfumado said...

É um processo tão simples e ao alcance de tão poucos, fazer essa separação. Eu, no entanto, basta entrar no emprego para o conseguir fazer!

Isabel-F. said...

um texto que me arrepiou ...

espero que estejas bem.

beijinhos

foryou said...

Se a esperança se mantém então é fácil: agarra-te a ela e dá um pontapé no resto


beijinho e o desejo que a mente já voe de novo e tudo tenha cor novamente