Thursday, January 18, 2007

a propósito do "paulinho das missas""

«O fariseu e o cobrador de impostos -

9*Disse também a seguinte parábola, a respeito de alguns que confiavam muito em si mesmos, tendo-se por justos e desprezando os demais: 10«Dois homens subiram ao templo para orar: um era fariseu e o outro, cobrador de impostos. 11O fariseu, de pé, fazia interiormente esta oração: 'Ó Deus, dou-te graças por não ser como o resto dos homens, que são ladrões, injustos, adúlteros; nem como este cobrador de impostos. 12*Jejuo duas vezes por semana e pago o dízimo de tudo quanto possuo.'13*O cobrador de impostos, mantendo-se à distância, nem sequer ousava levantar os olhos ao céu; mas batia no peito, dizendo: 'Ó Deus, tem piedade de mim, que sou pecador.' 14*Digo-vos: Este voltou justificado para sua casa, e o outro não. Porque todo aquele que se exalta será humilhado, e quem se humilha será exaltado.»

http://www.paroquias.org/biblia/index.php?c=Lc+18

3 comments:

kimikkal said...

Off-topic: este blog tem uns ingredientes à maneira, desde humor, música, reflexões e acabando nos links interessantes.

Gostava de linkar este Rascunho no 7M, mas para isso preciso de saber a proveniência do mesmo. Porto? Beiras? Lisboa?

chuvamiuda said...

..............

é isso, afinal de contas

..............


Beijinhos e noite serena

rascunhos said...

no meio dizem é que está a virtude

pois cá estamos bem no centro do país ladeados pelo Mondego e o Alva

e diz quem sabe que por lá está-se bem